A PRISA utiliza cookies próprias e de terceiros para melhorar a sua experiência de navegação e realizar tarefas de análise. Ao prosseguir com a sua navegação, partimos do princípio que você aceita a nossa política de cookies.

Cerrar

Alfaguara

Alfaguara é a editora de referência na área da criação literária em língua espanhola, fruto de mais de quase cinco décadas publicando o melhor do que se escreve na Espanha e na América Latina, os autores fundamentais, os que definem tendências e determinam as principais correntes de influências.

Com vocação global, latino-americana e espanhola, a Alfaguara teve como objetivo acabar com as fronteiras impostas à língua comum. Na sua visão globalizada da literatura estão incluídos todos os escritores e leitores do nosso idioma. O projeto Alfaguara Global, no qual se materializa esta atitude da Alfaguara, tem início em 1993 com a publicação de Cuando ya no importe, de Juan Carlos Onetti, um dos autores emblemáticos da literatura latino-americana do nosso século. Esta edição apontou o caminho a seguir. Desde então, tem tido sucessivos lançamentos de escritores espanhóis e latino-americanos, tanto do boom quanto das novas gerações.

Prêmio Alfaguara de Romance, que a editora vem convocando desde 1998, também aponta claramente nessa direção. Todas as sedes da Alfaguara empenham-se para editar, distribuir e promover o romance premiado em todo o território de língua espanhola, conseguindo assim que os autores premiados cheguem a quatrocentos milhões de potenciais leitores.

Como símbolo desta firme vontade de derrubar as fronteiras nacionais e geográficas do idioma, surgiu a ideia de criar um prêmio que unificasse e consolidasse o que já era, de fato, uma característica do trabalho editorial da Alfaguara. A primeira edição do Prêmio Internacional Alfaguara de Romance teve lugar em 1998. As obras distinguidas com o Prêmio Alfaguara são publicadas e distribuídas, simultaneamente, em todo o território de língua espanhola, e os autores premiados participam no esforço da promoção global, viajando e apresentando o título premiado em todos os países hispânicos.

XIII Prêmio Alfaguara de Romance 2010

El arte de la resurrección (A arte da ressurreição), Hernán Rivera Letelier (Chile)

XII Prêmio Alfaguara de Romance 2009

El viajero del siglo (O viajante do século), Andrés Neuman (Espanha)

XI Prêmio Alfaguara de Romance 2008

Chiquita, Antonio Orlando Rodríguez (Cuba)

X Prêmio Alfaguara de Romance 2007

Mira si yo te querré (Olha como eu te amo), Luis Leante (Espanha)

IX Prêmio Alfaguara de Romance 2006

Abril rojo (Abril vermelho), Santiago Roncagliolo (Peru)

VIII Prêmio Alfaguara de Romance 2005

El turno del escriba (O turno do escriba), Graciela Montes y Ema Wolf (Argentina)

VII Prêmio Alfaguara de Romance 2004

Delirio (Delírio), Laura Restrepo (Colômbia)

VI Prêmio Alfaguara de Romance 2003

Diablo Guardián (O diabo guardião), Xavier Velasco (México)

V Prêmio Alfaguara de Novela 2002

El vuelo de la reina (O voo da rainha), Tomás Eloy Martínez (Argentina)

IV Prêmio Alfaguara de Romance 2001

La piel del cielo (A pele do céu), Elena Poniatowska (México)

III Prêmio Alfaguara de Romance 2000

Últimas noticias del paraíso (Últimas notícias do paraíso), Clara Sánchez (Espanha)

II Prêmio Alfaguara de Romance 1999

Son de Mar (Som do Mar), Manuel Vicent (Espanha)

I Prêmio Alfaguara de Romance 1998

Margarita, está linda la mar (Margarita, está lindo o mar), Sergio Ramírez (Nicarágua), Caracol Beach, Eliseo Alberto (Cuba)

Entre os seus autores, destaca-se Mario Vargas Llosa, José Saramago, Arturo Pérez-Reverte, Javier Marías, Carlos Fuentes, Mario Benedetti, Bernardo Atxaga, Julio Llamazares, Rosa Montero, Manuel Rivas, Agustín Fernández Mallo, Luis Mateo Díez, José María Merino, John Banville, Joyce Carol Oates, John Berger, Gay Talese, Günter Grass, Mario Benedetti, Daniel Glattauer, Francis Scott Fitzgerald, Nabokov, Unai Elorriaga.

Links
interesse

Logo Alfaguara

Galeria

Documental José y Pilar

El puente de los Asesinos

Agustín Fernández Mallo